Ah, a Vila Literária!

Vila Literária

_

Por Vicente Régis, coordenador do Setor Cultural,
com a participação de Francisco Zardo de Melo, aluno do 6º ano

No segundo semestre, no dia 21 de outubro, teremos a quarta edição da Vila Literária. Para quem não o conhece, este é um evento de celebração da literatura, da poesia, da metáfora e da arte. Momento de celebração da coragem de se jogar em uma produção artística que revela um pouco mais do que somos, de nosso imaginário. Momento de entrar em contato com artistas que fazem do ato de inventar, escrever e contar histórias, recitar poemas ou criar oficinas seu principal caminho no mundo. Momento de celebração da literatura como linguagem que nos constrói, nos diverte, nos emociona e nos informa.

Além das oficinas, exposição de trabalhos de ilustradores, intervenções artísticas, oficinas diversas e uma feira de troca de livros, entre outras surpresas, teremos a premiação do IV Concurso Literário, concurso este que conta, a cada edição, com a participação de mais e mais estudantes do 2º ao 5º ano do Fundamental 1.

Este concurso prevê um processo de escolha de destaques que serão homenageados no dia do evento, e alguns dos textos são escolhidos pelo Grupo de Teatro do Ensino Médio para serem encenados ao público presente.

Mas o que um concurso escolar tem de importante? Entendemos que o real ganho de um convite como este está em estimular a produção literária autoral dentro da escola, abrir espaço para mais uma situação de produção textual, porém com menos tutoria dos adultos, espontânea e de livre adesão.

Acreditamos que os grandes ganhadores deste concurso são os alunos e as alunas que participam, que se empolgam e abraçaram o convite! Isso porque escrever um texto para um concurso é uma atividade bastante potente para o desenvolvimento da escrita e da habilidade de inventar narrativas e afins, que complementa a formação literária feita em sala de aula, quer seu texto ganhe destaque ou não. Quando as crianças se atiram em uma tarefa como esta, faz-se necessário lançar mão de muitas das competências desenvolvidas em anos de processos relacionados ao ato de escrever. E isso vale muito mais do que a seleção dos destaques.

Convidamos o aluno Francisco Zardo de Melo, atualmente no 6º ano, que participou das edições anteriores, para compartilhar seu depoimento!

“Ah, a Vila Literária!

É uma experiência incrível. Você se dedica um tempo, mas não é um tempo mal gasto. É um tempo gostoso, um tempo muito bem gasto. Na primeira vez, foi uma empolgação incrível. Descrever uma bruxa, usando a pura imaginação. Após muito trabalho, ver seu texto reconhecido, subir em um palco pra falar pra um monte de gente. Ter esse reconhecimento é demais!

Na segunda vez, estava mais tranquilo. Já tinha mais experiência como leitor. Tinha que escrever sobre minha família, alguma história engraçada. Escrevi sobre a vinda de uma humilde família portuguesa em busca de novos ares em território brasileiro. Escrevi com muito empenho, e me restou esperar. E, de novo, acabei ganhando. A mesma sensação, a mesma empolgação. Falei de novo para um montão de gente. Nem tanta gente, mas a empolgação traz a sensação de uma multidão. De novo a sensação de reconhecimento. Essa experiência que levo até hoje e vou levar para toda a minha vida. Um trabalho, um tempo, muito bem gasto, e que traz alegria, reconhecimento, empolgação e diversos sentimentos incríveis que todos vão levar para toda a sua vida, cada um de um jeito.

Bom, essa é minha experiência com a Vila Literária e com tudo que a Vila nos traz de literatura.” 

Aguardamos ansiosos as inscrições de todos os textos de nossos alunos e alunas para mais uma emocionante edição!

E, para os leitores interessados, compartilhamos aqui as revistas das edições anteriores com todos os textos entregues na I, II e III Vilas Literárias!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>