Para ampliar a diversidade em nossa escola

Escola da Vila

.

Por Sonia Barreira, direção geral

Fazemos parte de uma comunidade que valoriza a educação, tem sensibilidade social e entende que deve agir para diminuir as desigualdades. Ao longo de nossa história institucional, assumimos compromisso com o atendimento à diversidade, construindo importante repertório pedagógico para o trabalho com as diferenças. Do mesmo modo, desde sempre, procuramos exigir o máximo possível de cada aluno sem praticar processos seletivos severos que excluem aqueles com menor potencial de aprendizagens acadêmicas ou com questões de aprendizagem em alguns campos específicos.

Mas sabemos que esse tipo de trabalho pedagógico, artesanal, bastante pautado nas inter-relações pessoais e sempre atento à singularidade de cada aluno, torna o projeto pedagógico caro e o valor da anuidade escolar impossibilita que alunos oriundos de famílias de baixa renda se matriculem em nossa escola. A única exceção são os filhos dos funcionários, que recebem bolsa integral, garantida em lei.

Esse corte financeiro acentuado tem como consequência a formação de um grupo de estudantes mais homogêneo do ponto de vista social e financeiro, limitando as trocas e relações mais democráticas no processo educacional. Essa seleção indesejada é também responsável pelo pequeno número de estudantes afrodescendentes, indígenas ou migrantes.

Com a finalidade de diminuir essa discrepância e com a intenção de promover uma educação de excelência para alguns alunos de baixa renda e forte adesão aos processos escolares, decidimos implementar um projeto de cotas sociais na Escola da Vila, o qual estamos denominando Projeto Ampliar.

Importante destacar que esse projeto conta com forte adesão da equipe pedagógica, que se dispõe a atuar no atendimento à diversidade com todos os recursos que a instituição construiu ao longo de seus quase 40 anos de atividade pedagógica.

Nossa intenção é que esse projeto amplie o número de alunos de baixa renda e envolva toda a comunidade escolar no apoio a este processo inclusivo. Além da busca por patrocinadores individuais ou empresariais, vamos colocar em ação alguns mecanismos que viabilizem o apoio de toda a nossa comunidade, como ingressos solidários, arrecadação de fundos, etc.

Temos certeza de que esse projeto vai impulsionar a democratização do ambiente escolar, permitindo que todos os alunos possam conviver com diferentes classes sociais e distintos repertórios de vida.

Para o ano de 2019, teremos alguns estudantes nesse programa iniciando seus estudos no Ensino Médio e o apoio de cinco financiadores pessoa física. O processo de seleção dos alunos contou com apoio da ONG Edukai que promove Olimpíadas em escolas públicas, com cuidadoso preparo dos alunos e das famílias selecionadas, incluindo visitação domiciliar, entrevistas e produção dos alunos.

O Projeto Ampliar está começando, mas quer crescer e envolver toda a nossa comunidade. Esperamos contar com seu apoio!

5 ideias sobre “Para ampliar a diversidade em nossa escola

  1. Boa tarde!Gostaria de saber se já abriram processo de bolsa.Tenho um aluno da rede pública muito dedicado, gostaria que ele prestasse.

  2. Que iniciativa maravilhosa!
    Parabéns, uma vez mais a essa escola que inspira sempre!!!
    Abração a toda a equipe.
    Beth Baldi, da Escola Projeto/POA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>