O Centenário de Tatiana Belinky

“Morrer é só despedida.
Não vale ficar nervoso.
Porém não curtir a vida,
Não viver… é horroroso!”

O centenário de nascimento de Tatiana Belinky, patronesse da biblioteca da unidade Butantã, tem que ser comemorado! A partir de hoje, começaremos uma série de homenagens à autora que dedicou mais de 50 anos à literatura, ao teatro e a seus leitores. Leia no blog da Vila.